Os métodos de Poirot

O dia estava começando a romper quando desembarcamos. O major Norman tocou o braço de Poirot e disse:

— Há um carro militar à sua espera ali, senhor.

— Obrigado, monsieur. Mas, no momento, não pretendo sair de Boulogne-sur-Mer.

— Como ?

— Isso mesmo. Não tenho a menor intenção de deixar Boulogne-sur-Mer agora. Vamos ficar neste hotel, à beira do cais.

Poirot seguiu as palavras com a ação, pedindo e conseguindo um quarto particular. Nós três o seguimos, perplexos, sem compreender coisa alguma. Subitamente, ele nos disse:

— Não é assim que um bom detetive deve agir… não é isso o que estão pensando ? Já sei. Um bom detetive deve mostrar intensa energia, correr de um lado para outro, prostrar-se numa estrada poeirenta para procurar marcas de pneus através de uma lentezinha. E deve também recolher pontas de cigarros e fósforos usados. É isso o que pensam, não é mesmo ? — Os olhos de Poirot nos desafiavam. — Mas eu, Hercule Poirot, digo-lhes que não é nada disso ! As verdadeiras pistas estão dentro… aqui ! — E bateu na testa, dramaticamente, antes de continuar: — A rigor, eu não precisaria ter saído de Londres. Teria sido suficiente para mim ficar sentado tranqüilamente em meus aposentos. Tudo o que importa são as pequenas células cinzentas que estão aqui dentro. Secretamente, silenciosamente, elas vão cumprindo sua parte, até que de repente peço um mapa, ponho um dedo num lugar determinado e digo: o primeiro-ministro está aqui ! E é isso mesmo ! Com método e com lógica, pode-se conseguir qualquer coisa ! Esta corrida frenética para a França foi um erro… é brincar de esconde-esconde, como crianças. Porém, neste momento, embora possa ser tarde demais, vou começar a trabalhar de maneira correta, aqui dentro. Silêncio, meus amigos, por gentileza.

E durante cinco longas horas o homenzinho ficou sentado no quarto do hotel, imóvel, piscando como um gato, com os olhos verdes faiscando e tornando-se cada vez mais verdes.

(“Poirot Investiga”, pág. 147-148, edição Círculo do Livro. Tradução: A. B. Pinheiro de Lemos)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s