Galeria de Fãs: Marcus Brewster

Marcus Brewster

O publicitário Marcus Brewster, CEO de uma das maiores agências de publicidade e relações públicas da África do Sul, apresenta sua lista pessoal dos dez livros favoritos de Agatha Christie, com análises pertinentes de cada um. Ele não apreciou muito os escritos após 1965 e também sugere evitar os primeiros livros, escritos até 1926 – é a opinião pessoal dele.

Aviso: Apesar de não prover nenhum spoiler específico, Marcus Brewster também apresenta uma relação das marcas registradas de Agatha Christie que podem estragar a surpresa do leitor que ainda não leu uma boa quantidade da obra da autora para perceber determinados detalhes e repetições por si mesmo.

Agatha is the jazziest crime writer out there because she has an enviable gift for riffing on the melody. You know the tune: a gathering of people, a dead body (generally more before the murderer is revealed), the interviewing of the suspects, the denouement. Christie appears to have taken great delight in improvising around that structure: everyone has motive and opportunity, nobody has motive or opportunity, the suspects who have motive don’t have opportunity and vice versa. Her ingenuity is masterly, her plotting is genius. She upends the formula every which way and always contrives to surprise the reader. (Moneyweb)

Anúncios

2 pensamentos sobre “Galeria de Fãs: Marcus Brewster

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s