Igreja de Todos os Santos

A fonte em que Agatha Christie foi batizada

A fonte em que Agatha Christie foi batizada

Meu pai era homem de coração simples e cristão ortodoxo. Dizia suas orações todas as noites, e ia à igreja todos os domingos. Sua religião era prática e sem as inquietações de minha mãe, mas, se minha mãe gostava de elaborar seus sentimentos religiosos, ele não via por que discordar: meu pai, como já disse, era um homem muito agradável.
Acredito que se sentiu aliviado quando minha mãe regressou à Igreja da Inglaterra a tempo para que eu fosse batizada na igreja da paróquia. Fui chamada Mary, porque era o nome de minha avó; Clarissa, porque era o nome de minha mãe; e Agatha surgiu posteriormente, sugerido já a caminho da igreja por uma amiga de minha mãe, apenas porque o achava bonito. (Agatha Christie, Autobiografia, Círculo do Livro)

Agatha Christie nasceu em 15 de setembro de 1890 em uma casa chamada Ashfield na paróquia de Torre, a cerca de 20 minutos de caminhada da Igreja All Saints. Foi a mais jovem de três crianças, com uma irmã mais velha chamada Margaret (Madge) e um irmão, Monty, que era 10 anos mais velho do que ela. Seu pai era americano, sua mãe inglesa e seus nomes eram Frederick e Clara.

Continuar lendo