Livros em promoção [Submarino e Avon]

Campanha 06/2011

O folheto da campanha 06/2011 da Avon traz dois livros de Agatha Christie:

 

[1] E Não Sobrou Nenhum – Anteriormente Publicado Como O Caso Dos Dez Negrinhos [trad. Renato Marques, Ed. Globo] R$ 14,99

[2] Vira-Vira O Misterioso Caso de Styles + O Caso do Hotel Bertram + conto Enquanto Houver Luz [Ed. Best-Seller] R$ 21,99.

http://www.folhetoavon.com.br/

Já o Submarino está com descontos nos romances policiais:

[1] A Teia da Aranha; O Misterioso Caso de Styles; O Caso do Hotel Bertram; Poirot e o Mistério da Arca Espanhola & Outras Histórias; Um Brinde de Cianureto; Enquanto Houver Luz E Outros Contos de Suspense; Cinco Porquinhos; O Inimigo Secreto; Os Relógios; A Testemunha Ocular do Crime; O Segredo de Chimneys R$ 10,00 cada

[2] Punição Para A Inocência R$ 12,90

[3] E Não Sobrou Nenhum; O Homem do Terno Marrom R$ 14,90 cada

[4] Seguindo A Correnteza R$ 16,90

[5] Morte na Mesopotâmia; Elefantes Não Esquecem R$ 26,90 cada

[6] HQ Assassinato no Expresso Oriente + Morte no Nilo R$ 42,00

[7] Agatha Christie Edição Especial [Assassinato no Expresso do Oriente, Morte no Nilo, A Mansão Hollow e Cai o pano] R$ 59,90

Citando Agatha – Semana de 14 a 20.02.2011

Este post pertence à nossa série – publicada sempre às terças – de posts que abrangem um resumo (de alguns) dos blogs que citaram Agatha Christie durante a semana anterior, a fim de registrar, periodicamente, parte desta enormidade de sites que falam, por um motivo ou por outro, sobre a Dama do Crime, e também como forma de homenagear e prestigiar os blogueiros que tratam do tema ou citam Agatha em suas memórias de todos os tempos. Neste post, citações de blogs em português de 14 a 20.02.2011.

15.02.2011
Blog: Infiltrados
Post: O misterioso caso de Styles

Pelo que propõe, e como propõe, O misterioso caso de Styles transformou-se num marco do romance policial, sempre citado por críticos e estudiosos, ainda que Agatha Christie, com sua capacidade de variação e virtuosismo, o tivesse superado mais tarde com romances bem melhores.

Sugestão de leitura | Agatha Christie’s Secret Notebooks: Fifty Years of Mysteries in the Making

Sinopse
Agatha Christie: 66 romances policiais, 20 peças de teatro, 6 romances sob um pseudônimo e mais de 150 contos. Quais são os mistérios que explicam tamanho sucesso?

Em 2004, um incrível legado foi revelado: Descobertos entre outros objetos deixados na casa da família de Christie estavam seus diários – 73 cadernos escritos à mão com notas, listas e desenhos que apresentavam seus planos para diversos livros, peças e contos. Entre essas relíquias, observações, pistas e notas sobre seus famosos livros, que fascinam gerações de leitores.

Repleto de detalhes que a modesta autora jamais revelou, Os Diários Secretos de Agatha Christie inclui dois contos inéditos de Poirot. Imperdível! [Extraído da edição brasileira]

Capa

Quando a escritora inglesa Agatha Christie faleceu, ela deixou sua propriedade Greenway House para a filha Rosalind. Greenway era a casa de verão da família no Devon desde 1938 e após o falecimento de Rosalind passou para o National Trust para ser reformada, entrando no circuito de jardins abertos à visitação pública.

O neto de Agatha então convidou um dos conselheiros da fundação que cuida do legado da autora para um fim de semana na casa, antes da reforma. Num dos quartos-depósitos, John Curran encontrou uma caixa de papelão repleto de cadernos: durante o resto do fim de semana ele só saiu do depósito para dormir [pouco] e comer [arrastado por Mathew Pritchard, seu anfitrião].

Curran trabalhou durante quatro anos nos cadernos de notas [e não “diários”, como aparece em alguns sites e traduções] decifrando, interpretando, organizando e relacionando as anotações ao seu respectivo romance/conto/peça teatral. As duas maiores dificuldades que ele mesmo aponta em seu livro foram decifrar a caligrafia de Agatha Christie e ordenar cada anotação cronologicamente.

O livro traz alguns fac-símiles de páginas dos cadernos de notas e, cara, vou te contar, não é fácil mesmo! Talvez porque os cadernos funcionassem como uma Penseira em que ela despejava suas ideias para analisá-las mais criticamente depois ou porque o pensamento é mais rápido do que a mão, a caligrafia da Dama do Crime parece de médico. Um médico que escreve em pé, sem apoio, entre uma corrida e outra.

Quanto à cronologia, Agatha não seguia os conselhos de sua criação: o detetive Hercule Poirot recomendava trinta e três vezes que a pessoa deve ter ordem e método, mas sua criadora preferia o “método caótico”: ela sempre tinha meia dúzia deles espalhados pelas casas, na bolsa, etc., voltando a usá-los após intervalos de meses ou anos; as ideias para um livro específico podem se espalhar em vários cadernos, variando entre uma linha a vinte páginas, sequenciais ou não; ela raramente datava as entradas.

The best time for planning a book is while you’re doing the dishes.
Agatha Christie

Continuar lendo

Ligando filmes e atores através de Agatha

Para quem acompanha a série “Agatha Christie’s Poirot”, vale a citação: a veterana atriz Barbara Hershey, que interpretou Caroline Hubbard em “Murder on the Orient Express” (2010) está no premiado “Cisne Negro”, em cartaz nos cinemas brasileiros neste fevereiro de 2011, e que pode dar o Oscar de Melhor Atriz para Natalie Portman: leia a resenha sobre “Cisne Negro” clicando aqui.

Citando Agatha – Semana de 07 a 13.02.2011

Este post pertence à nossa série – publicada sempre às terças – de posts que abrangem um resumo (de alguns) dos blogs que citaram Agatha Christie durante a semana anterior, a fim de registrar, periodicamente, parte desta enormidade de sites que falam, por um motivo ou por outro, sobre a Dama do Crime, e também como forma de homenagear e prestigiar os blogueiros que tratam do tema ou citam Agatha em suas memórias de todos os tempos. Neste post, citações de blogs em português de 07 a 13.02.2011.

08.02.2011
Blog: Dores e delícias de escrever
Post: Eu li: Morte na Mesopotâmia (Agatha Christie)

Costumeiro em romances da Rainha do Crime, existem vários personagens envolvidos na trama, de diferentes personalidades, origens e objetivos. Em certo ponto da trama, todos são suspeitos, até que o famoso detetive Poirot se junta aos envolvidos e inicia-se então a parte do enredo mais envolvente, onde máscaras vão caindo, carapuças vão servindo e, no fim… Bom, aí só lendo. 🙂

10.02.2011
Blog: Paula Simoes’ Blog
Post: Na Síria de Agatha Christie

Gosto muito dos livros da Agatha Christie e penso ter todos os livros que dela se publicaram em Portugal. O livro a que me refiro no título deste post é uma nova edição em Português do livro “Come, tell me how you live”, que a Tinta-da-China publicou o ano passado, na colecção de literatura de viagens, coordenada por Carlos Vaz Marques. (…)

12.02.2011
Blog: Refúgio dos Livros
Post: “Um Crime no Expresso do Oriente” (Agatha Christie): OPINIÃO

De leitura fácil e inúmeros diálogos a acontecer e muita acção, este é mais um livro de Agatha Christie que se lê a alta velocidade na expectativa de desvendar o mistério.

Off-Topic: Homenagem a Júlio Verne

Google hoje [08.02.2011]: Júlio Verne (Nantes, 8 de fevereiro de 1828 – Amiens, 24 de março de 1905), homenagem mais do que justa a um escritor que a geração atual infelizmente não conhece. Alguns de seus livros, imperdíveis:

– Cinco semanas em um balão, 1863
– Viagem ao centro da terra, 1864
– Vinte mil léguas submarinas, 1870
– A volta ao mundo em oitenta dias, 1872

Entre seus diversos clássicos, recomendo em especial um livro inesquecível em minha vida (e tudo a ver com mistério e suspense, nosso tema aqui em A Casa Torta): “A Ilha Misteriosa”, escrito entre 1873-1875.

Citando Agatha – Semana de 31.01 a 06.02.2011

Este post pertence à nossa série – publicada sempre às terças – de posts que abrangem um resumo (de alguns) dos blogs que citaram Agatha Christie durante a semana anterior, a fim de registrar, periodicamente, parte desta enormidade de sites que falam, por um motivo ou por outro, sobre a Dama do Crime, e também como forma de homenagear e prestigiar os blogueiros que tratam do tema ou citam Agatha em suas memórias de todos os tempos. Neste post, citações de blogs em português de 31.01 a 06.02.2011.

01.02.2011
Blog: Meia Palavra
Post: Poirot Perde uma Cliente (Agatha Christie)

Um dos personagens mais populares do universo dos romances policiais, Hercule Poirot é, para mim, um dos mais charmosos detetives da história. Agatha Christie conseguiu criar nele uma aura de realidade tão forte, que até obituário no The New York Times ele recebeu.

Testemunha de Acusação (1957) no canal TCM em 04.02.2011

Nossa leitora Mell, do blog Maria Letras, avisou recentemente e reforçamos hoje: o canal TCM exibirá Testemunha de Acusação [Witness for the Prosecution, EUA/1957] nesta sexta-feira, 04.02.2011, às 15h [Horário Brasileiro de Verão].

Leia a resenha clicando aqui:
https://acasatorta.wordpress.com/2008/06/12/testemunha-de-acusacao-3/

Citando Agatha – Semana de 24 a 30.01.2011

Este post pertence à nossa série – publicada sempre às terças – de posts que abrangem um resumo (de alguns) dos blogs que citaram Agatha Christie durante a semana anterior, a fim de registrar, periodicamente, parte desta enormidade de sites que falam, por um motivo ou por outro, sobre a Dama do Crime, e também como forma de homenagear e prestigiar os blogueiros que tratam do tema ou citam Agatha em suas memórias de todos os tempos. Neste post, citações de blogs em português de 24 a 30.01.2011.

24.01.2011
Blog: Refúgio dos Livros
Post: “Anúncio de um Crime” (Agatha Christie): OPINIÃO

(…) fui de tarde à Festa do Livro na Fundação Dr. António Cupertino Miranda com a Estefânia do blogue “Uma Biblioteca Aberta” e ela fez-me uma surpresa e ofereceu-me “Anúncio de um Crime” de Agatha Christie e eu na brincadeira perguntei-lhe se este livro podia ser considerado um Clássico ao que ela respondeu: “é um clássico da literatura policial”, pelo que se está mesmo a ver que coloquei de lado (por enquanto porque hei-de ler) o livro “O retrato de Dorian Gray” e decidi estrear-me com este livro na leitura de Agatha Christie.

28.01.2011
Blog: Pensamentos de Uma Batata Transgênica
Post: Homenagem de NCIS à Agatha Christie

No geral, um episódio à altura da Duquesa da Morte.

26.01.2011
Blog: Cozinha das Letras
Post: Crime no Campo de Golfe, de Agatha Christie

Mais um ponto para a Duquesa da Morte. É impressionante como Agatha Christie continua sem desiludir. Apesar de começar a estabelecer alguns paralelismos entre os seus livros, reconhecendo algumas semelhanças entre os mesmos (algo da fórmula Christie?), o interesse manteve-se e a capacidade de me surpreender continua.

28.01.2011
Blog: Chocolate Para a Alma (Portugal)
Post: Agatha Christie é Mary Westmacott

Agatha Christie (1890-1976) é entusiasticamente celebrada em todo o mundo como a Rainha do Crime. Quando decidiu escrever sob o pseudónimo Mary Westmacott, a autora pretendia provar a si mesma que os seus livros eram apreciados pelo seu próprio mérito e não apenas devido à sua fama.

26.01.2011
Blog: Faz de Conta
Post: Assassinato no Expresso do Oriente – Agatha Christie

Este foi um dos primeiros livros que li da Agatha Christie. A história é bem estruturada e as investigações bastante detalhadas. Algumas aventuras assinadas por Agatha tem como portagonista, Miss Marple, uma senhora astuta que gosta de solucionar crimes, mas Hercule Poirot vai mais além quando se trata de investigação.

27.01.2011
Blog: Over Shock
Post: Resenhas 10#: “A Teia da Aranha” de Agatha Christie

“A Teia da Aranha” é uma obra de ficção amplamente indicada para os fãs de Agatha Christie, bem como admiradores da mesma e leitores em geral. É diversão na certa! [por Camila Márcia]