Uma Noite Com Agatha Christie: Nova montagem em Curitiba

O blog Teia Notícias, portal de notícias do curso de Jornalismo da Universidade Positivo, traz um post sobre a peça “Uma noite com Agatha Christie”, sobre a qual já falamos aqui no blog em agosto de 2011 [clique aqui para ver o post de 22.08.2011] e que teve nova estreia na última sexta-feira [30.03.2012], pelo Festival de Teatro de Curitiba, no Clube Curitibano:

Dirigida e escrita por Enéas Lour, o espetáculo é uma grande homenagem às obras da rainha do crime.

Dividida em quatro atos, a peça é cheia de intertextualidade e referências aos romances da autora britânica.

(…) O grupo completou sete anos de existência em 2011 e já encenou peças como “O Corcunda de Notre Dame” e “Arlecchino”. ‘’Esse é o primeiro suspense que a gente faz, e Agatha é um clássico do gênero’’, disse o diretor Enéas Lour. ‘’É uma adaptação de um livro dela, o texto é meu, pegamos a essência das obras e colocamos ali’’, completou.

O espetáculo estreou em agosto de 2011, também no Clube Curitibano. ‘’Passamos muito tempo refazendo cenas e também melhorando algumas para essa reestreia’’, contou a atriz Ana Mary Fortes. ‘’Nosso objetivo é que Curitiba tenha um grupo de teatro profissional’’, disse Fortes.

A peça será apresentada novamente nos dias 31 de março, 01, 06, 07 e 08 de abril. (…)

Leia mais clicando aqui.

No site After Hour:

O texto “Uma Noite com Agatha Christie” é uma adaptação da versão “Quem Matou Agatha Christie?”, escrita e encenada por Enéas Lour em parceria com João Luiz Fiani, em 1999, no Teatro Lala Schneider. Mas nesta nova versão, o dramaturgo adaptou o texto para inserir todos os atores do Grupo de Teatro do Clube Curitibano, que é composto, em sua maioria, por atrizes. Assim foram criadas mais personagens, ampliando o contexto dos “crimes” e a complexidade da narrativa. A própria autora inglesa – Agatha Christie – foi trazida para a cena. É ela que, interpretada pela atriz Dulce Furtado, de seu escritório inglês, instalado na boca de cena, escreve o que se passa no palco e narra a ação de suas personagens.

Na equipe técnica do espetáculo estão nomes importantes do teatro paranaense, como o light-designer Beto Bruel, vencedor de três edições do Prêmio Shell, a maior premiação do teatro brasileiro.

Leia mais clicando aqui.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s